O Casamento Real

Quarta-Feira, 03 de Agosto de 2011
O Casamento Real

A cultura e os costumes de quase todos os pases, inclusive o Brasil, recebe forte influncia dos costumes europeus.

O comportamento, a etiqueta, a moda e a culinria tem muito da cultura e dos costumes da Inglaterra, Frana, Itlia, Espanha, Portugal, Alemanha e outros. Particularmente, no que se refere a eventos e solenidades, segue-se bastante a etiqueta francesa e inglesa.

Na verdade, e com razo, h uma admirao pela elegncia e pelas atitudes das pessoas desses pases.

Assim, um casamento na famlia real inglesa, s poderia mesmo atrair a ateno de todos os brasileiros. Primeiro, porque prncipes, princesas e castelos fazem parte dos roteiros dos contos que embalam o sono, o sonho e as fantasias, desde a infncia, de todo o mundo. Segundo, ver o que acontece e, nisso, um casamento real d uma aula de como muitas coisas devem ser.

- Noivado uma promessa de casamento que brevemente dever acontecer. A etiqueta recomenda que o tempo de noivado no seja maior do que seis meses. Afinal, o noivado um aviso de que o casamento est prximo.

Muitas pessoas, por seus motivos pessoais, noivam muito rapidamente, com pouco tempo de namoro, sem ter a segurana necessria, estrutura financeira ou afetiva, e permanecem noivos por demasiado tempo. Envolvem as famlias e depois ainda rompem o relacionamento, gerando enorme desgaste para ambos e para as respectivas famlias.

Portanto, os noivados devem ser breves.

- O anel de noivado, alm da aliana, uma tradio que solidifica o simbolismo do casamento. O casamento real reforou que o anel, principalmente se for uma jia de famlia, um smbolo nico do amor e do verdadeiro compromisso.

Afinal as alianas podem ser parecidas mas os anis so nicos.

- A participao financeira nas despesas da festa, dividida entre as duas famlias, como foi no casamento real, o certo.

- O horrio da cerimnia e recepes, sem atrasos, para noivos e convidados o correto. Noivas atrasadas para a cerimnia religiosa, no deve ser visto como uma tradio. Na verdade, falta de educao e respeito para com os convidados, principalmente para com os mais idosos.

- Os trajes so um detalhe parte:

- Casamentos, pela manh, tm no chapu um detalhe de elegncia sempre admirado e elegante. No casamento real os chapus leves e os casquetes coroaram os tailleurs no estilo bloco (sapatos, tailleurs e chapus, com os mesmos tecidos). O channel foi o comprimento predominante dos vestidos ou saias. O que se viu, refora um erro costumeiro em casamentos no Brasil: grosseiro usar-se vestidos longos durante o dia e, incorreto us-los mesmo noite, quando os homens no estiverem usando meio-fraque ou black-tie.

- Os homens, ao usar fraques, reforaram a tendncia de alguns anos para c, ao combin-los com gravatas verticais em vez das tradicionais gravatas em lao (plaston). As gravatas usadas na cor vinho romperam a tradio de se usar gravatas pratas com fraques.

- O vestido da noiva, sem exageros, leve e tradicionalssimo, enfatiza a singeleza e a beleza daquele momento. A escolha do uniforme militar, por parte do noivo, torna o traje nico. Afinal, apenas militares podem usar uniforme militar e, as mulheres em geral, vem algum usando uniforme militar de uma forma mais associada imagem da realeza ou do prncipe encantado. Concordam?

- O fato mais importante que coroou o casamento real, sem dvida, foi o visvel e inquestionvel grande amor, que uniu o belssimo casal.

Assunto: Atitudes e Comportamentos, Casamentos, Vesturio

Voltar
Etiqueta Social - Pronta para usar

JOSUÉ INDICA: