GAFES EM ALMOÇOS E JANTARES Em self-services e buffets

Terça-Feira, 15 de Abril de 2014
GAFES EM ALMOÇOS E JANTARES Em self-services e buffets

Quando se menciona ou se fala em erros e grosserias à mesa, a maioria das pessoas pensa em locais requintados e jantares formais, mas na verdade os erros e grosserias acontecem até na simplicidade ou informalidade de quase todas as ocasiões ou situações de almoços ou jantares no dia a dia! Vale conferir:

1. Não encostar a cadeira à mesa ao levantar. Atrapalha a circulação de pessoas e pode causar acidentes. É gafe!

2. Dirigir-se ao buffet segurando o prato como se ele fosse o volante de um veículo ou ao lado da perna como se estivesse segurando um pandeiro. Ora, se carrega o prato como ele fica à mesa, na horizontal e segurando-o com ambas as mãos.

3. Correr em direção ao buffet para se servir antes dos outros, principalmente em festas ou recepções. Mesmo que se seja um atleta, é muito deselegante fazer isso!

4. Demorar a se servir, escolhendo o melhor pedaço. Agir assim é egoísmo!

5. Encher demais o prato, demorando-se para voltar à mesa e deixando as companhias esperando. Quando for o caso, é simples, serve-se mais de uma vez.

6. Conversar com as demais pessoas quando se está em cima dos alimentos do buffet, salivando sobre a comida. É falta de educação!

7. Parar no meio do caminho para conversar e deixar a companhia que estiver à mesa sozinha esperando.

8. Começar a refeição antes que os outros retornem à mesa, ao se servir por primeiro, ou antes, das demais companhias. Agir assim causa enorme frustração. Quando se convida alguém para fazer a refeição juntos se pressupõe que seja juntos de fato e ao mesmo tempo. Afinal era para fazer companhia ou não? Quando se estiver acompanhado de outras pessoas, espera-se que todos sirvam-se e sentem-se para se iniciar a refeição. Proceder assim é uma gentileza extremamente apreciada e observada que, com certeza, valoriza a companhia e a educação.

9. Levar pratinhos sobressalentes para a mesa com alguma iguaria para que os demais não precisem ir ao buffet. Quando se tratar de levar para pessoas idosas ainda é aceitável, se não, é uma gentileza completamente dispensável e que dá a impressão de gula e ansiedade. Quem quiser comer, naturalmente vai se servir no buffet.

10. Encher bolsas com guloseimas ou doces, em festas e recepções, com a justificativa de levar para as crianças ou para alguém que estava ausente! Ora, se a intenção for esta, pode-se passar por uma panificadora ou casa de doces e levar algumas guloseimas para as pessoas queridas que não estavam presentes na festa.

Assunto: Atitudes e Comportamentos

Voltar
Etiqueta Social - Pronta para usar

JOSUÉ INDICA: